"Se pensas que és pequeno para fazer a diferença... tenta dormir num quarto fechado com um mosquito."
Provérbio africano, no editorial da revista "Recicla"

7.9.06

Estrada de Carnicães vai ser repavimentada

Júlio Sarmento assegura que a aldeia foi alvo de um investimento «sem precedentes» e que a via fica com um piso novo durante o mês de Outubro.
.
Quem viaja na EN 102, de Celorico da Beira para Trancoso, depara-se com uma enorme tarja branca com a seguinte inscrição "A estrada de Carnicães é a vergonha do concelho". A Junta de Freguesia demarca-se desta insólita forma de protesto encontrada por alguns populares para manifestarem o seu descontentamento pelo mau estado da via, que ficou danificada desde que as obras da instalação do saneamento básico foram feitas há cerca de três anos. O presidente da Câmara de Trancoso assegura que a aldeia foi alvo de um investimento «sem precedentes», na ordem dos 400 mil euros, e que a repavimentação da via da discórdia vai ficar concluída durante o mês de Outubro. «A Junta não tem nada a ver com a tarja. Foi lá posta sem o meu conhecimento», garante Mário Pereira Carneiro, autarca de Carnicães, que dista cerca de 10 quilómetros da sede do concelho. Contudo, o presidente da Junta sempre concorda que a estrada «está em muito mau estado. Disso não há dúvidas nenhumas», reconhece. Os habitantes «queixam-se de que a estrada está horrível e que estraga muito os carros», conta. Quanto a acidentes não tem conhecimento de nenhuma ocorrência, até porque as pessoas «são obrigadas a andar devagar ali», realça. O presidente da Junta indica que a estrada está em mau estado «há cerca de três anos, quando o saneamento básico foi feito na aldeia», diz. De resto, Mário Carneiro adianta que já se deslocou «várias vezes à Câmara para tratar deste assunto», mostrando-se «esperançado» de que a estrada municipal que serve a aldeia, que tem perto de 200 habitantes, seja repavimentada dentro de pouco tempo. Algo que deverá acontecer até ao final do próximo mês de Outubro, garante Júlio Sarmento, presidente da Câmara de Trancoso, indicando que o concurso de repavimentação da estrada já foi lançado e que os trabalhos devem arrancar até final de Setembro. O edil diz que os danos na estrada foram inevitáveis: «Há males que são necessários e com condutas que têm que ir a um metro e meio de profundidade não havia outra solução que não fosse danificar a estrada», realça. Do mesmo modo, sublinha que a autarquia trancosense realizou em Carnicães um investimento «sem precedentes», na ordem dos 400 mil euros, com as obras de saneamento básico e da repavimentação de «80 por cento» da estrada que foi danificada por causa dos trabalhos lá efectuados. Aliás, o edil salienta que «apenas falta repavimentar 20 por cento da estrada», que vai desde a povoação até ao limite do concelho com Celorico da Beira. Em relação à tarja, o autarca limita-se a dizer que não faz «quaisquer comentários» à mesma. Aliás, Júlio Sarmento diz mesmo que a tarja «vai continuar no local», no cruzamento para Vilares e Carnicães, até que as pessoas que a colocaram tenham a «consciência» de a retirar.
..
In Jornal " O Interior " 31-08-2006

2 comentários:

al cardoso disse...

Pode muito bem nao haver nenhuma relacao, mas tambem pode ter sido a tarja que acelarou a pavimentacao da estrada, sempre ficamos com a duvida. Uma outra estrada que esta bem necessitada de obras e a que liga Trancoso a Aldeia Nova, ja la nao passava ha muito tempo, passei por la ha umas poucas semanas e nao gostei nada, alem disso tambem seria interessante a colocacao de placas sinalizadoras para nao acontecer a outros o que me aconteceu a mim. Sera que os autarcas (alguns) so pensam nas respectivas cidades e vilas e se esquecem que ha aldeias tambem (ainda)!!!???

Um abraco Fornense.

Anónimo disse...

Pois, foi tudo muito bonito enquanto a estrada durou, o que é certo é que por causa da construção da nova estrada e da passagem dos camiões, a estrada está a ficar novamente e a um ritmo avassalador, no mesmo estado de degradação... será preciso por la outra tarja?!