"Se pensas que és pequeno para fazer a diferença... tenta dormir num quarto fechado com um mosquito."
Provérbio africano, no editorial da revista "Recicla"

27.6.06

Inovação & Inclusão: Redes Públicas de Internet


Foi hoje lançado o viactt.
Este sistema permite ter gratuitamente uma caixa de correio electrónica livre de publicidade!
Julgo que para a maioria dos internautas esta medida não é grande coisa, uma vez que a maioria já tem caixas gratuitas.
No entanto, estas caixas trazem algumas vantagens:
- Não recebe publicidade
- Não serão desactivadas pelo facto de não utilização
- São um meio seguro para documentos legais
etc.

Mas, apesar de enaltecer o governo por esta medida, existe outra que seria igualmente bem vinda: Internet gratuita nas vilas e aldeias de Portugal.

E o motivo é simples. Como é que um filho de um casal pouco letrado vai convencer os seus pais a assumir uma assinatura de 25 euros mensais para ter acesso á maior rede pública de informação, algo que os seus pais não entendem sequer a sua mais valia?!

...E, para completar o ramalhete, o estado deveria organizar um serviço público de disponibilização gratuita de pc's, para gerir as máquinas desactivadas nos seus milhares de organismos, com o objectivo de as distribuir a essa população rural.

É apenas uma ideia. Uma ideia para a inclusão...

13 comentários:

al cardoso disse...

Uma ideia e, louvavel.
Sera que alguem nos ouve?

Frederico disse...

Calados estamos pior!!!


:-)

Um abraço e obrigado pela visita!

Anónimo disse...

Não é com caldos de galinha que se curam "resfriados", sr Frederico. Isso não é um choque é um roçar de uma pena... vale o esforço, mas não chega.

chuss

ninive

Woman Once a Bird disse...

Caro Frederico:
Acha mesmo que o Estado tomaria uma medida dessas? Só a demagogia de ouvir o nosso engenheiro a repetir várias vezes que o serviço de internet em Portugal é mais barato que na maioria dos outros países... revela o real interesse e o verdadeiro choque tecnológico que o senhor primeiro ministro pretende. Demagogia, nada mais.

Frederico disse...

Cara Ninive,
Ficaria muito feliz que estas pequenas medidas fossem implementadas. E posso garantir-lhe que até sei onde estão milhares de máquinas e que os "técnicos"responsáveis ficariam muito felizes que existisse uma solução para os "monos".

Obviamente que terá que ser uma decisão politica.

Mas tem ideias melhores para propor?

O que aguarda para as partilhar connosco?!

Frederico disse...

Caríssima WOB,
Graças a Deus o "nosso engenheiro" não é o Estado.

Há mais quem decida. "E sim, sei no que está a pensar"

Mas foram eleitos, com tanto engano como os anteriores!

Anónimo disse...

É uma ideia que aplaudo. É também com pequenas coisas e com pequenos detalhes que se atinge a excelência e se incrementa o desenvolvimento e a integração.
Um Abraço a todos!
VS

Anónimo disse...

tudo o mndo sabe que se começa pela pequenas "medidas", mas para quem falava em "choque" não passou de mr demagogia de maketing, típica destes partidozecos portugueses

Chuss

ninive

Anónimo disse...

desculpem os erros.

Ninive

Anónimo disse...

Se todo a gente compreendesse que são os pequenos detalhes que fazem a diferença viveriamos num Mundo perfeito! Mas tens razão quanto à demagogia típica dos nossos partidos... o problema é que em Portugal é assim! E por muito que queiramos mudar...não dá! Eu não digo que é impossível, mas já tenho idade suficiente para perceber que é muito difícil mudar a mentalidade da classe política em Portugal! Lembro-me sempre de ver PS e PSD no poder e a filosofia e as linhas de orientação política são essencialmente as mesmas. Alguém se atreve a arriscar noutros partidos? PCP? PP? BE? PCTP/MRPP? PNR? E eu falo de consciencia tranquila porque não tenho partido nem morro de amores pela classe política! Apesar de estar a fugir ao tema deste topic deixo uma questão: O que deve mudar na mentalidade dos políticos para finalmente e realmente termos um país competitivo?
Abraço!
VS

Frederico disse...

Bom desafio. A resposta merece um post!

Um abraço

Anónimo disse...

Existe uma verba que se destina precisamente à aquisição de pc's já com internet, para as juntas de freguesia. O problema, caros amigos, é que muitos presidentes de junta n estão para se incomodarem com isso. Peçam informações e verão a veracidade disto.

Frederico disse...

Freguesias, Sr. Anónimo?!

Eu escrevi população rural...